Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Este ano, graças a Deus, tenho tido muitas oportunidades para ir até ao Santuário de Fátima, por motivos diferente (Famílias de Caná, a minha família, Acólitos, Trabalho).

IMG_1575 (2).JPG

Numa destas vezes, estava com o meu filho. Fomos os dois até à Capelinha das Aparições. Sentei-me no chão (com um livro no regaço) e ele manteve-se perto de mim a brincar, pois tinha uma mochila cheia de pequenos brinquedos.

Tentei escolher o melhor sítio, tendo em conta o vento que estava nesse dia, o chão para o meu filho estar, e o movimento das pessoas. Fiquei junto a uma das vidraças da capelinha, do lado de fora, onde existe um percurso (muito largo) para as pessoas que queiram ajoelhar-se e percorrer em toda a volta a capelinha.

Recebi todo o tipo de reações: olhares de surpresa ou de estranheza, muitos sorrisos e comportamentos de grande desagrado. 

Eu sou uma pessoa com tendência para ter a "cabeça no ar" e como tal, tão focalizada nas minhas coisas, nem reparo nos outros muitas das vezes. No entanto, porque tinha todo o tempo do mundo, escolhi o local com muito cuidado. Mas como tudo, nem todas as pessoas gostam da mesma coisa, certo?

Então, e retomando, durante esse tempo que lá estive, reparei numa coisa: no tal percurso que existe à volta da Capela das Aparições, com um chão que facilita o deslize, a grande maioria que davam a volta à Capelinha de joelhos eram casais jovens com bebés (um ia de joelhos e o outro acompanhava com o bebe no carrinho) ou homens. HOMENS!

Fiquei surpreendida!

IMG_1599 (1).JPG

Nas Missas são muito poucos os homens que nelas participam! O mesmo se aplica às procissões, aos retiros, às orações comunitárias... No entanto, ali eu vi MUITOS HOMENS a manifestarem a sua Fé de uma forma até bem visível! Uns percorriam o caminho de joelhos, outros em pé. Fizeram muitas, mas mesmo muitas voltas!

Eu acho que nós mulheres damos pouco crédito à Fé dos nossos Homens. E eu falo por mim. Quando o meu marido começou a acompanhar-me, no início de forma circunstancial mas depois de forma intencional (falei disto neste post: AQUI), lembro-me que fiquei surpreendida.

Neste dia aprendi que não tenho que ter receio em desafiar, quem quer que seja, para dar o primeiro passo de encontro a DEUS.Nem receio nem vergonha! Afinal... Deus tem muitas surpresas na manga!

 

IMG_1597.JPG

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


1 comentário

De Marco a 12.05.2016 às 11:50

Sim, mesmo..... Deus tem mesmo muitas surpresas nas manga!!!!
E eu que o diga. ;-)

Comentar post



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo