Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


A nossa família teve a felicidade de participar no 1º Acampamento de Caná no ultimo fim de semana.

 

E sobre ele poderão ler os seguintes testemunhos:

  -  SITE Famílias de Caná - Textos de Teresa Power AQUI, AQUI, AQUI e AQUI

  -  Blog ADOTAR AMAR E VIVER - Texto de Olívia Batista - AQUI.

 

Comungo com tudo o que já foi escrito, e tenho a certeza que os próximos textos que a Teresa Power publicar a respeito farão todo o sentido para mim, como já é habitual. 

Portanto para não repetir o que já foi escrito (e muito bem escrito), irei partilhar como a minha família sentiu e vivenciou este acampamento.

 

DSC_0077 (1).JPG

Desde o primeiro momento que juntámo-nos à ideia de um acampamento no Cantinho da Mãe de Caná. E não estando em questão a nossa não participação, este acampamento aconteceu num (curto) período em que eu e o James estamos com dificuldades de sintonização enquanto casal. Ultimamente aconteceram algumas (pequenas) mudanças na nossa casa que baralhou um pouco as coisas.

Tivemos, como sabem um período de férias há pouco tempo que foi maravilhoso e enriquecedor em muitos aspetos, do meu ponto de vista.

Eu gostei muito. O meu marido não gostou. E não gostou porque estava doente, sentindo-se fraco e com males estares constantes; não gostou porque esteve sempre nervoso durante as viagens já que fui eu que conduzi o carro para aprender a conduzir sem mudanças; não gostou porque apesar dos seus períodos de descanso acordava ainda muito cansado; não gostou porque as nossas cadelas ainda novinhas são muito rebeldes e uma delas iniciou o cio sem estarmos preparados numa casa estranha; não gostou porque não conseguiu ter a energia necessária para brincar com o nosso filho....

Recado: James, afinal acabei mesmo por escrever sobre isso.

 

Portanto retomando, temos os dois andado distantes um do outro, apesar do nosso ritmo quotidiano normal. Assim, fomos para este acampamento com "tralha" nos nossos corações.

Ele preparou as coisas para levar. Eu preparei as coisas para levar.

Chegou a sexta-feira e fui buscar um Xavier super-hiper-excitado que passou o dia na escolinha a dizer que ia dormir numa tenda na missa. Acho que ninguém realmente percebeu o que o Xavier queria dizer. 

E lá fomos os 3 dormir numa tenda na Missa.

DSC_0056.JPGDSC_0046.JPG

Foi a primeira vez que nós os 3 acampamos: tenda nova, colchões novos, rotinas novas.

 

Eu durmo deste lado e tu daquele. O Xavier dorme desse lado. Os sacos da roupa aqui. Porquê uma mesa na tenda? O saco do lixo é aqui. Não há almofadas suficientes. Onde param as lanternas? Desliga a música. Não precisas de levar a cadeira. Precisas realmente de tantas baterias?

Tivemos de ajustar-nos de muitas formas e feitios. Não foi difícil, simplesmente foi novidade.

F991D275-9D13-4D39-A71A-E80AE3ADEC63.JPG

À primeira vista poderia ter-nos parecido difícil, não só por acampar em si, mas também pelo programa que nos esperava. Iríamos ter muitos momentos espirituais e não sabíamos até que ponto nos iríamos sentir bem.

Nós já sabíamos que os retiros até que são interessantes, mas com acampamento perto da nossa casa? hummm

 

DSC_0397 (3).JPG

Pois bem, sentimo-nos felizes e muito bem em todos momentos. Tivemos diversas Eucaristias, uma Via-sacra, um momento de Adoração, a Reconciliação, Orações, serão bíblico e diversos Terços.

O James, no final e muito admirado, disse-me: "Afinal não tive que carregar o meu telemóvel. Mal o utilizei."

Eu, apesar de outras, fiquei com esta forte recordação (e lição): a calma e a paciência de um casal com os seus 4 filhos, dos 8 meses aos 6/7 anos (suponho)!  Fizeram-me sentir tão envergonhada! Eu que sou mãe de um e não há dia em que grite ou berre pelo menos uma vez! 

Desde o acampamento tenho feito o esforço para não gritar ou berrar. Nada. E quando me esqueço vêm imediatamente à minha mente o dito casal e a sua família.

 

Em jeito de conclusão, eu e o James tivemos a oportunidade, durante as atividades, de conviver e observar outras famílias, mas também de falarmos um com o outro sobre a nossa tralha. Não "destralhamos" tudo mas começamos e demos um grande avanço. 

Aqui ficam mais algumas fotografias deste fantástico primeiro acampamento das Famílias de Caná:

DSC_0017.JPGDSC_0024.JPG

DSC_0034.JPGDSC_0044.JPG

DSC_0008.JPGDSC_0007.JPG

DSC_0063.JPGDSC_0071.JPG

DSC_0075.JPGDSC_0085.JPG

DSC_0102.JPGDSC_0103.JPG

DSC_0111 (1).JPGDSC_0120.JPG

DSC_0122.JPGDSC_0128.JPG

DSC_0115.JPGDSC_0131.JPG

DSC_0132.JPGDSC_0136.JPG

DSC_0140.JPGDSC_0142.JPG

DSC_0213.JPGDSC_0203.JPG

DSC_0219.JPGDSC_0221.JPG

DSC_0236.JPGDSC_0240.JPG

DSC_0242.JPGDSC_0250.JPG

DSC_0254.JPGDSC_0255.JPG

DSC_0257.JPGDSC_0260.JPG

DSC_0265.JPGDSC_0271.JPG

DSC_0296.JPGDSC_0303.JPG

DSC_0311.JPGDSC_0312.JPG

DSC_0320.JPGDSC_0324.JPG

DSC_0330.JPGDSC_0335.JPG

DSC_0340.JPGDSC_0342.JPG

DSC_0348.JPGDSC_0351.JPG

DSC_0358.JPGDSC_0366.JPG

DSC_0374.JPGDSC_0383.JPG

DSC_0385.JPGDSC_0386.JPG

DSC_0398.JPGDSC_9954.JPG

DSC_9955.JPGDSC_9957.JPG

DSC_9959.JPGDSC_9964.JPG

DSC_9969.JPGDSC_9970.JPG

DSC_9976.JPGDSC_9981.JPG

DSC_9983.JPGDSC_9984.JPG

DSC_9989.JPGDSC_9990.JPG

DSC_9999.JPGEEF4ABFF-67D8-4E83-91FE-7344B85D1977.JPG

DSC_0079.JPG

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo